Blog

Usuários denunciam problemas de acessibilidade no BRT/MOVE

21 de setembro de 2015

Vereadores receberão a Prefeitura para debater a situação e buscar melhorias no serviço de transporte público.

Usuários denunciam problemas de acessibilidade no BRT/MOVE

Falta de rampas de acesso, elevadores estragados e impaciência de motoristas e agentes de bordo estão entre os problemas de acessibilidade enfrentados por centenas de usuários do transporte coletivo na capital. Preocupada com a situação, a Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor realizará audiência pública para buscar soluções junto à Prefeitura. A reunião está prevista para terça-feira (22/9), às 13h30, no Plenário Helvécio Arantes, aberta a todo o público interessado.

Autor do requerimento para o debate, Leonardo Mattos (PV) questiona a falta de estrutura para garantir o acesso de pessoas com mobilidade reduzida ao transporte coletivo, apontando problemas como a ausência de rampas adequadas em várias estações do Move e defeitos recorrentes nos elevadores internos dos ônibus, o que coloca em risco a segurança dos usuários. Conforme depoimentos levados ao gabinete do parlamentar, muitas pessoas estariam sendo constrangidas por motoristas e agentes de bordo, impacientes com o tempo necessário para o embarque e desembarque.

Convidados
Foram convidados para a audiência o secretário municipal de Governo, Vítor Valverde; o diretor-presidente da Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte S/A (BHTrans), Ramon Victor Cesar; o presidente do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Belo Horizonte (SetraBH), Joel Jorge Paschoali; a coordenadora da Coordenadoria Municipal de Direitos das Pessoas com Deficiência, Maria Cristina Abreu Domingos Reis, e a presidente do Conselho Municipal das Pessoas com Deficiência, Romilda Euzébio Araújo.

Fonte: CMBH

Comentários